CT-e

De Wiki Uniplus
Ir para: navegação, pesquisa

Sobre

O CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico), tem o intuito de documentar digitalmente uma prestação de serviço de transporte de cargas. Sua validade jurídica é garantida pela assinatura digital do emitente e pela recepção e autorização de uso, pelo Fisco.

Cadastros

1- No Retaguarda, em: Cadastros > Outros > Ct-e > Parâmetros, faça as seguintes configurações:


Cte2.png


  • Versão: Selecione a versão da NF-e que o cliente irá utilizar;
  • Tipo de contingência: Selecione o tipo de contingência;
  • Ambiente: Selecione o ambiente de trabalho;
  • Certificado: Selecione o certificado;
  • Validar CT-e após geração do XML: Habilitando, a nota será validada automaticamente;
  • Imagem DACTE: Selecione a imagem a ser exibida na nota;



2- No Retaguarda, em: Cadastros > Outros > Ct-e > Séries > Incluir (F2), verifique se o Modelo está configurado como: 57 - CT-e e informe os demais campos:


Cte3.png



3- No Retaguarda, em: Cadastros > Outros > Ct-e/MDF-e > Meios de transporte, faça todas as configurações do veículo:


Cte1.png

Configuração

1- No Retaguarda, em: Notas fiscais > Ct-e > Incluir (F2) > Aba Geral, faça as seguintes configurações:


Cte4.png


  • Série: Informe o número de série do CTe;
  • Emissão: Informe a data de emissão do documento;
  • Tipo de serviço: Selecione o tipo do serviço;
  • CFOP: Selecione a CFOP do documento;
  • Condição: Selecione a condição de pagamento;
  • Remetente, Expedidor, Recebedor e Destinatário: Preencha as informações de cada entidade;
  • Origem/Destino da Prestação: Preencha as informações de origem e destino da prestação;



2- Na Aba Notas, preencha todas as informações do documento:


Cte5.png



3- Na Aba Componentes, adicione os Componentes juntamente com seu Valor:


Cte6.png



4- Na Aba Subtotal, informe o os valores e impostos do documento:


Cte7.png



5- Na Aba Financeiro, caso o documento possuir valor a receber, preencha as informações do recebimento:


Cte8.png



6- Na Aba Carga, preencha todas as informações sobre o produto:


Cte9.png



7- Na Aba Inf. complementares, é possível adicionar algumas informações do documento nas Sub-abas: Geral e Observações:


Cte9.5.png



8- Na Grid de CT-e (Notas fiscais > Ct-e), o documento estará com o status: Normal. Com o documento selecionado, clique em Transmitir (F9):


Cte10.png



9- Após a nota ser transmitida, será exibido o status: 103 - Lote recebido com sucesso. Autorizado o uso do CT-e e o documento ficará com o status CT-e Autorizada:


CTE11.png

CT-e Globalizado

O CT-e globalizado permite várias coletas para o mesmo destinatário, ou várias entregas para o mesmo remetente. Cada estado possui suas condições para a globalização, sendo necessário verificar a legislação estadual com a contabilidade antes da emissão do documento, pois podem existir algumas exceções;

A emissão deve seguir as seguintes regras:

  • No mínimo 5 notas (com o mesmo emitente e destinatários distintos) ou (com o mesmo destinatário e remetentes distintos);
  • O tomador deve ser o remetente ou o destinatário (o que estiver informado);
  • Se tratar de um transporte intermunicipal.


Para emitir um CT-e globalizado (Notas fiscais > Ct-e), habilite a opção CT-e globalizado:


Cteglobalizado.png



Na aba Geral, o remetente ou o destinatário não são obrigatórios, porém, caso optar por informa-los, é necessário que seja feito de forma manual. Os campos somente serão validados ao gravar a nota e apenas um deles deve ser informado:


Informarremetenteoudestinatario.png



Na aba Notas, após importar as NF-es via arquivo XML, o campo CT-e globalizado será desabilitado. Caso as notas sejam excluídas, o campo ficará habilitado novamente:


Cteglobalizadonaohabilitado.png



Na aba Inf. complementares > Geral, o campo Observação CT-e globalizado é livre para utilização. Pode ser preenchido com informações como a legislação do regime especial, informações adicionais, etc. O conteúdo e a necessidade do campo devem ser verificados com a contabilidade:


Informacoescteglobalizado.png



Ao transmitir o CT-e com vários destinatários, a razão social do destinatário é impressa como DIVERSOS. As demais informações serão preenchidas com os dados da transportadora:


Variosdestinatarios.png



Ao transmitir o CT-e com vários remetentes, a razão social do remetente é impressa como DIVERSOS. As demais informações serão preenchidas com os dados da transportadora:


Variosremetentes.png


SPED Fiscal e Contribuições

É necessário verificar com a contabilidade a necessidade de escriturar o documento com a situação de Regime Especial. Caso seja necessário, na Natureza de operação > aba Sped, habilite a opção Documento fiscal emitido com base em regime especial ou norma específica


Regimeespecialcte.png


Documentação técnica

Foram utilizados dois documentos para o desenvolvimento do CT-e globalizado, confira-os abaixo:

  • Manual do CT-e 3.0:


  • Boletim Técnico 2012/001: utilizado como complemento para o preenchimento do endereço do remetente ou do destinatário quando não preenchidos. Essa informação não se encontra no manual do CT-e: